JUVENTUDE E LITERATURA

Programa Câmara Ligada com Plutão Já Foi Planeta

Programa Câmara Ligada com banda Plutão Já Foi Planeta

Dados da última pesquisa do Instituto Pró-Livro revelam que apenas 56% dos brasileiros têm o hábito de leitura e a média de livros lidos por ano no Brasil é uma das mais baixas do mundo, apenas 4,96 livros. Diante deste cenário é de fundamental importância incentivar o hábito de leitura nas escolas, mas o Censo Escolar de 2017 revela que apenas 39% das escolas de ensino fundamental da rede pública tem bibliotecas ou salas de leitura.

Como fomentar a leitura nas escolas? Qual o impacto das tecnologias digitais no hábito da leitura dos jovens hoje? Como os jovens escritores publicam seus trabalhos? O Câmara Ligada desta edição falou sobre o tema juventude e literatura e debateu sobre a importância do incentivo à escrita e o hábito da leitura.

Plutão Já Foi Planeta foi a atração musical da edição. Eles são uma banda potiguar de indie pop, formada por Natália Noronha, Gustavo Arruda, Sapulha Campos, Vitória De Santi  e Renato Lelis.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Em 2014, estrearam o primeiro disco, Daqui pra Lá. Em 2017, foi a vez de lançar o segundo CD, chamado A Última Palavra Feche a Porta, indicado ao melhor CD do ano pelo prêmio Hangar da Música. Em março de 2018, lançaram o single da música Estrondo e se apresentaram no badalado festival Lollapalooza Brasil.

Programa Câmara Ligada com Plutão Já Foi Planeta

Paula esclarece questões sobre educação e leitura.

Mestre e doutora em Educação pela Universidade de Brasília, Paula Gomes de Oliveira é professora da Faculdade de Educação da UnB.

Ela foi uma das convidadas  da edição. Paula atua em projetos de pesquisa e extensão com foco nas temáticas de Linguagem, Alfabetização, Letramento, Multiletramentos, Formação de professores, Literatura, Narrativas, Imaginação e Subjetividade.

A professora esclareceu dúvidas dos estudantes sobre a importância do hábito de leitura e destacou a importância das bibliotecas públicas.

 

 

Programa Câmara Ligada com Plutão Já Foi Planeta

Akapoeta conta como começou a escrever e publicar seus poemas.

João Doederlein, mais conhecido como akapoeta, é um jovem poeta brasiliense que ficou conhecido por seus textos no Instagram. Em 2017, ele publicou O Livro dos Ressignificados, uma coletânea que dá novos sentidos a palavras do dia-a-dia, considerado um best seller, com mais de 60 mil exemplares vendidos.

No segundo livro, Coração Granada, lançado este ano, akapoeta fala de paixões e crises de ansiedade, encantando o leitor com sua escrita acessível e, ao mesmo tempo, impactante.

 

Vivianne Fair é autora, ilustradora e professora. Formada em artes plásticas pela

Programa Câmara Ligada com Plutão Já Foi Planeta

Vivianne Machado conta que o foco dos seus livros são os jovens, mas tem leitores de todas as idades

UnB, ela escreve histórias desde a alfabetização e está profissionalmente no ramo há cerca de 12 anos. Vivianne publica livros infantis, juvenis, de fantasia, ou comédia.

Em 2017, a autora venceu o prêmio Wattys na categoria novos autores com o livro Legado do Dragão. Ela também é responsável pelo blog Recanto da Chefa e mantém um canal no YouTube, onde pública resenhas e vídeos engraçados sobre ser escritora.

O blogueiro desta edição foi o Luciano Vellasco, jornalista e integrante do Conselho Jovem do Câmara Ligada, ele é um influenciador digital no meio literário, com o projeto Academia Literária.

 

Na plateia recebemos estudantes do EduSesc de Taguatinga Norte, CED 04 de Sobradinho e estudantes do jornalismo da faculdade UNIP.

Veja aqui o programa na íntegra♥