Ocupação dos espaços públicos

Por Coletivo Transverso

Meu nome é Patricia Del Rey e  estou responsável pela atualização do blog do programa Camara Ligada. Vamos debater a importância da ocupação e intervenção em espaços públicos. Quem aqui já se deparou com um grafite lindo numa parede? Ou uma frase escrita de spray que faz todo sentido?

Esses espaços de poesia que encontramos espalhados pela cidade são chamados de Arte Urbana. Sou integrante do Coletivo Transverso que atua em várias cidades do país distribuindo poesia e gentilezas pelos espaços públicos. Vamos conhecer um pouco mais sobre as pessoas que amam pintar paredes detonadas e transformar concreto em poesia.

O programa começa com a apresentação da banda Dead Fish que completou 22 anos recentemente. Eles fizeram o lançamento do DVD no circo voador. A banda começou com os amigos que aprenderam a tocar juntos. É um som maravilhoso de Hard Core.

O vocalista da banda fala um pouco sobre como é descobrir um mundo novo quando começou a intervir na rua através do uso do skate. Que a sua relação com a cidade virou outra depois dessa forma de ocupação temporária.

O debate vai começar com a Nega Giza, Tales e Perla. Nossa primeira convidada fala sobre a vontade de ocupar a rua. Que essa atitude é fundamental, afinal esse espaço publico é nosso. Podemos mudar e valorizar muito locais que antes estavam depredados. O Tales conta a aventura de pintar na rua, o preconceito que esses artistas sofrem por usar a parede como tela.

A Arte Urbana é democrática, além de valorizar e deixar a cidade mais bonita. É isso que aprendemos com o debate. Agora vale a pena conferir o programa e olhar com os olhos atentos todos os cantinhos da sua cidade. =]