Cultura da periferia

MV Bill discute cultura no Câmara Ligada

Estréia: SEXTA-FEIRA, 03 de setembro, 19h
Reprises : SÁBADO, 04/09 as 17h30
e DOMINGO, 05/09 as 22h

A periferia das grandes cidades é vista muitas vezes como o lado feio e esquecido das metrópoles. Mas, afastados do preconceito, podemos encontrar outra vida na periferia, onde jovens conquistam um pouco de cidadania e transformam as atividades culturais em inclusão social.

O Câmara Ligada coloca no foco essa juventude e mostra como as manifestações espontâneas como o hip hop, o grafite, o rap ajudam os jovens a expressar o que eles pensam do mundo. O programa deste mês evidencia o protagonismo juvenil nas comunidades de baixa renda. Ao invés de ficar aguardando soluções do Estado, que tardam em chegar, os jovens se organizam para conseguir lazer, educação, esporte e cultura.

Hoje, a produção cultural da periferia é tida como uma das mais importantes respostas aos problemas de exclusão e de desigualdade social. E um dos melhores exemplos desse talento é o cantor de hip hop, MVBill, que participa do programa com a banda, com o escritor Alessandro Buzo, autor de livros que retratam a periferia de São Paulo; e com João Xavier Wainer, diretor do documentário Marginália e Pixo, sobre pichação em São Paulo. Bill foi um dos fundadores da CUFA, Central Única das Favelas, organização não-governamental que possui bases de trabalho em várias partes do Brasil.

CÂMARA LIGADA uma realização CÂMARA DOS DEPUTADOS e SESC-DF
e cooperação da ANDI, UNESCO, SINPRO-DF e SINPROEP.